terça-feira, 2 de julho de 2019

Solidão ou liberdade?

Eu sempre me virei bem sozinha, sempre gostei de ter meu momento pra ser eu mesma, andar pelada pela casa, usar o banheiro de porta aberta, usar roupa larga e não lavar o cabelo, dançar e cantar sem me importar com o ouvido alheio. Isso pra mim sempre foi sinal de liberdade.

Sim, eu gosto de ir no restaurante sozinha, ir no cinema sozinha. Eu não me sinto estranha ou constrangida em fazer isso, absolutamente. Me faz bem.

Mas, tem coisas que eu acabo fazendo sozinha por outros motivos: vergonha, insegurança ou porque não quero atrapalhar os outros.



Vejo que está se formando uma cultura do: "faça tudo sozinho e seja foda". Mas, não é bem assim. Acho sim que devemos amar nossa companhia e ficarmos felizes em estarmos a sós. Mas, não tem que ser forçado, a gente não precisa provar nada pra ninguém. Acorda.

As pessoas estão em um desespero de auto-afirmação e acabam se tornando outras pessoas só pra provarem que são capazes. Conheço gente que ama estar rodeada de gente, e não porque tem medo da solidão, simplesmente porque esse é seu jeito. E fazer tudo sozinha não deixa essa pessoa feliz, porque faz com que ela não seja ela. Entende a diferença? Isso não quer dizer que ela não suporte morar sozinha e tomar um café da manhã delicioso na sua própria companhia. Isso só quer dizer que, ela prefere um almoço de domingo rodeado de amigos, chama todo mundo pra assistir filme em casa e marca até de encontrar a amiga no mercado.

Entenda bem, você não é obrigada a nada. Então, como você encara isso: Ficar sexta-feira a noite em casa, sozinha, comendo besteira e assistindo netflix. Solidão ou Liberdade? Ir jantar sozinha em um restaurante que você adora. Solidão ou Liberdade? Isso mesmo, vai de como você encara a situação. Tem gente que encara com sofrimento, outras pessoas como curtição. E dane-se o senso comum. Caguei pra ele.



Uma outra coisa que eu gosto sobre estar sozinho. A gente se escuta mais. Pára de seguir o bando ou de fazer as coisas buscando ser aceito ou algo assim. A gente passa a se conhecer melhor. E é por isso que, se você tem medo de ficar sozinho, deveria testar.

Muita gente tem medo de ficar sozinho porque não quer ouvir os próprios pensamentos, tem medo de se encarar. Mas sabe, a gente precisa primeiro abrir a ferida, olhar bem pra ela, pra poder limpar e curar. Esquecer a ferida não vai fazer com que ela não exista. Olhe pra você e se aceite: "Eu sou assim, tudo bem, eu aceito. Eu ainda não consigo mudar, mas, eu posso dar pequenos passos para melhorar."

É no momento de solitude que a gente é capaz de ver, de escutar e de sentir.

Agora voltando a respeito de algo que falei ali em cima, quando eu digo que faço coisas sozinha por insegurança. Isso eu vejo como não sendo saudável. Por exemplo, há poucos dias atras eu tive um quadro de intoxicação alimentar e passei muito mal. Precisei ir pro hospital. Precisei sair mal pra comprar comida. E assim por diante. Tenho amigos fofos que se dispuseram a me ajudar, a me acompanhar e eu disse o que? Não precisa se incomodar, obrigada.

1. Porque eu não queria incomodar
2. Porque eu não queria que ninguém me visse vulnerável.

E depois eu pensei: poxa, seria legal ter alguém aqui me fazendo companhia ou, me trazendo algo pra beber.

É, sigo aprendendo.

Outra situação clássica: eu vou em vários lugares sozinha por medo do que as pessoas vão achar de mim. É, isso mesmo. Lugares que nunca fui e não sei se é bom, ou quando preciso fazer compras e tenho medo que alguém vai me julgar. Cabecinha esquisita né? Eu sei.

E nesses sentidos (e existem outros, mas, estou citando apenas alguns exemplos) ficar sozinho não é o ideal. Porque é meio doentio. E nesses casos eu sugiro o oposto, exercitar fazer esse tipo de coisa acompanhado. E no fim vai notar que estava tudo na sua cabeça. E mesmo que alguém te julgue por algo bobo que você fez, dane-se. Você está sendo você e ninguém é obrigado a amar tudo o que você faz e nem você é obrigado a agradar a todo mundo.

A verdade é que: A felicidade só é real quando é compartilhada. Ficar sozinho é incrível, é libertador, te ensina muito, te faz se conhecer melhor, te faz prestar mais atenção nas coisas. Mas, como tudo na vida, é necessário um equilíbrio.

Então, só seja você. Não se cobre tanto. E esteja aberto.

Um beijo.

2 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...