sexta-feira, 29 de junho de 2018

Conto de fadas...

29 - Reescreva um conto de fadas



Chapeuzinho era uma boa menina, sempre que chegava da escola, preparava um lanche e ia visitar sua avô que morava além do bosque. Sua avó era muito importante pra ela, tinha sido sua mãe durante toda sua infância.

Sua vó já se encontrava muito debilitada e passava a maior parte do tempo de cama. Então chapeuzinho aproveitava suas visitas para fazer os serviços de casa e fazer companhia a doce velhinha.

Mesmo gostando da companhia de chapeuzinho, vovó ficava muito preocupada porque os ataques de lobos haviam aumentado muito no bosque nos últimos meses. As notícias atribuem a culpa nas grandes industrias que vem avançando cada vezes mais para a floresta, diminuindo o espaço das alcateias.



Era sexta-feira, chapeuzinho preparou sua mochila com roupas para passar o fim de semana com sua avó. Separou frutas e sanduíches e escolheu filmes para que assistissem juntas. E saiu em direção ao bosque.

Por conta de uma aula de reforço que ela vinha dando depois da aula pra suas amigas, chapéu saiu tarde de casa, estava começando a anoitecer.

Sabendo dos ataques de lobo, chapéu acendeu uma tocha e seguiu o caminho floresta a dentro. Começou a cantar em voz alta para não ouvir seus pensamentos evitando que o medo lhe tomasse conta.

Já estava na metade do caminho quando ouvi algo chacoalhando os arbustos, estava chegando cada vez mais perto e não parecia estar sozinho. Pensou em correr, mas, preferiu manter a calma.

Aproveitou uma clareira por onde estava passando e parou. Olhou para os lados sacudindo a tocha com intensidade, tentando assustar que fosse, e não viu nada.

Ficou ali parada por uns instantes, e nada. Mas, dava pra sentir olhos lhe observando. Sacudiu novamente a tocha, fez barulhos e gritou. Então vou a escutar os arbustos se mexendo. Parecia que estavam se afastando.

Ficou ali mais um tempo e quando se sentiu segura, saiu correndo sem olhar pra trás até chegar na casa da vovó que estava sentada em uma cadeira na varanda, esperando preocupada sua netinha.


Um beijo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...