terça-feira, 2 de setembro de 2014

São Martinho com a família



Essa viagem aconteceu em meados de 2009.

Dica de Roteiro de um final de semana em São Martinho

Dia 1:
- Igreja Matriz São João Batista de Imaruí
- Capela da Santa Albertina
- Santuário de Santa Albertina
- Salto do Rio Capivara
- Pousada Hellmann
- (se forem na época) Festa Junina da escola
Dia 2:
- Fluss Haus
- Aproveite para meditar, rezar e entrar em contato com a natureza

Meu diário de bordo:

Como todas as nossas viagens... São Martinho nos apareceu por acaso. Eu já conhecia o local, aliás, meus pais viajam pra várias vezes por ano.

Como já era um local muito conhecido pelos meus pais (e eu já havia ido 2 vezes) não foi preciso pesquisar muito. Mas mesmo assim eu dei uma olhadinha nos sites pra ver o que teria de bom por lá naquele fim de semana.

A cidade é conhecida por causa da Santa Albertina. Muita gente vai lá pagar promessa ou pedir graças.

Curiosidade: A santa era prima do meu avô. (Santidade é de família, viu? :D)

Então tá... Dessa vez fomos de carro. A viagem é meio longa, saímos de manhã e almoçamos na estrada. Ligue para reservar pousadas com antecedeeeencia!!! Senão vai dormir no carro!

Lá, a primeira parada foi na capela da Santa. Ela foi construída no local onde ela foi assassinada. Tá, não vou contar a história dela aqui, mais informações: História.

Saímos de lá e passamos na igreja onde se encontram os "restos mortais" dela. Lá tem uma casinha para comprar água benta, fitinhas, rosários e todo aquele comércio santo.

Saindo dali passamos no salto capivara ... Que tem uma cachoeira linda!

Depois de conhecer o local fomos até a pousada onde passamos a noite. Um lugar beeeem legal e com comida caseira e café colonial beeem gostoso. Saímos dali e fomos visitar a pousada Hellmann que são amigos dos meus pais.

Voltamos pra pousada e jantamos. A cidade toda estava se preparando para ir à festa junina da escola. E nós também fomos. Eu e minha mãe até ganhamos correio elegante *___* (amo!). hehehe Depois de tomar quentão e comer pipoca, vimos a fogueira ser acesa e voltamos pro hotel... Tava muiiiito frio (felizmente... clima muito bom).

No outro dia, tomamos um café gostoso na pousada e saímos pra parte principal (tirando a santa, claro) da viagem. Comprar os dociiinhos!!!

A Fluss Haus é famosa por suas iguarias. Docinhos de vários sabores e formatos. Geléias, pão de mel, doce de leite. Lá também tem um caminho com um lago de peixes gigantes... E um liindo jardim. No meio do caminho também paramos pra comprar e experimentar todos os sabores de licor.

E então voltamos. Uma viagem calma e muito gostosa.

Fotos:


Fluss Haus


Igreja onde encontra-se os restos mortais da Santa


Vista da Pousada

Um beijo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...